Queda em dezembro não impede recuperação da indústria em 2016

Gostou? compartilhe!

Saiba mais sobre Queda em dezembro não impede recuperação da indústria em 2016

Queda em dezembro não impede recuperação da indústria em 2016

O volume de negócios da indústria diminuiu 2,6% em dezembro, face ao período homólogo, mas o setor conseguiu fechar 2015 com as vendas a subirem 0,1% relativamente a 2014.

De acordo com os dados hoje divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), o índice de volume de negócios na indústria passou de uma queda de 0,6% em novembro para uma diminuição de 2,6% em dezembro.

O índice relativo ao mercado nacional passou de um aumento de 0,2% em novembro para uma diminuição de 4,3% em dezembro, enquanto a variação do índice relativo ao mercado externo se situou em -0,2% (-1,5% em novembro), refere o INE.

O destaque vai para o índice do agrupamento de energia, que registou uma diminuição de 15,7% em dezembro (-11,4% no mês anterior). Excluindo este agrupamento, o índice de vendas na indústria teria apresentado um crescimento de 2,5% (3,1% em novembro).

Em termos trimestrais, no quarto trimestre de 2015, as vendas na indústria diminuíram 2,5% em termos homólogos (crescimento de 0,2% no trimestre anterior). No conjunto do ano de 2015 as vendas na indústria apresentaram uma variação média de 0,1% (-1,3% em 2014).

Os índices de emprego, de remunerações e de horas trabalhadas na Indústria registaram aumentos homólogos de 1,2%, 2,3% e de 0,8%, respetivamente, em dezembro (1,1%, 3,2% e 0,6% no mês anterior, pela mesma ordem).

Em termos anuais, as variações médias dos índices de emprego, das remunerações e das horas trabalhadas situaram-se em 1,2%, 2,7% e 0,6% em 2015, respetivamente (0,3%, 1,1% e -0,9% no ano precedente, pela mesma ordem).

Fonte: Economia ao Minuto



Gostou? compartilhe!

Receba NewsLatter da LÖSUNG BRASIL